quarta-feira, 27 de abril de 2011

Rissóis de peixe




Já no domingo, depois de ter ficado na cozinha desde a 00h00 até às 03h00 a preparar um bolo de chocolate de 4 camadas (ver aqui), preparar o almoço para o dia seguinte, a arrumar as compras feitas no dia e a arrumar a cozinha, tive o cuidado de esquecer o saco do almoço na bomba da gasolina quando fomos aspirar o carro! É verdade! A sorte é que parámos para comprar pão, queijo e fiambre porque o S. e o R. tinham fome e era cedo para almoçar. Quando chegámos à Batalha para uma espécie de piquenique, pedi ao R. para tirar o saco do almoço, ao que ele perguntou: "Qual saco?". Cai em mim e percebi que o havia deixado esquecido. O que fazer? Ligar para o 112? Vale a pena viver perto dos pais. Fui salva pelos meus pais que resgataram o saco! Estava tudo direitinho e embaladinho tal como eu havia preparado. Claro que o almoço foi sandes para todos. A parte boa? Chegámos do passeio por volta das 23h00 e o jantar já estava preparado!

Para o jantar de segunda, uma novidade: chamuças. Pensava que eram mais difíceis de preparar, mas estava enganada. Claro que dá algum trabalho, por isso recomendo que quando deitarem mãos à obra, preparem a receita a dobrar ou a triplicar para congelar uma boa quantidade.

Comecei por preparar rissóis de peixe, e é mesmo por aí que vou começar!




Ingredientes:


- Para a massa: - 1 taça de água fervente; - 1 taça de farinha de trigo; - pitada de sal; - 1 colher de sopa de manteiga.


- Para o recheio: - 2 colheres de sopa de manteiga; - 2 colheres de sopa de maizena; - 1/2 cebola picada; - 4 dl de leite; - 1 posta de pescada cozida e desfeita; - 2 colheres de sopa de polpa de tomate; - sal, pimenta e noz-moscada q.b; - sumo de limão (algumas gotinhas) e mostarda líquida q.b.; - 1 ovo; - pão ralado.

Modo de preparação:
Comece por cozer a pescada em água fervente temperada com sal durante 10 a 15 min e reserve. Ferva a água para a preparação da massa, temperada com pitada de sal e a manteiga, adicione a farinha e mexa bem até absorver toda a água, operação que pode executar com o lume desligado. Para a preparação do recheio, comece por derreter a manteiga adicionando a cebola picada e depois a farinha. Deixe alourar um pouco e adicione o leite, mexendo com a vara de arames para desfazer pequenos grumos que se formem. Mexa até começar a engrossar um pouco, acrescentando o peixe desfeito, a polpa de tomate e rectificando o tempero com sal, cominhos e noz-moscada (em pó ou ralados).
Depois de a massa arrefecer, estique sobre uma superfície polvilhada com farinha e forme pequenos círculos colocando uma colher de sopa de recheio no centro e pressione a toda a volta para fechar bem (exemplo). Repita até terminar a massa e o recheio. Passe por ovo e depois por pão ralado. Para rissóis tamanho "normal" usei a chávena de chá, para as miniaturas usei a chávena do café. Congelei em doses de 6 unidades, para facilitar o processo de descongelação.
Foram 4 horas entre a preparação dos rissóis e das chamuças e da arrumação da cozinha que, como podem adivinhar, ficou um pouco desarrumada. Mas fico descansada para os dias em que apetece passar pouco tempo a preparar refeições.

Espero que gostem! As chamuças vêm a seguir!

1 comentário:

  1. Obrigado pela visita e pelo comentário no meu blog.
    Cá estou para conhecer as tuas delícias!!!!!
    Já me fiz tua seguidora, voltarei mais vezes.
    Fica bem!

    ResponderEliminar

Obrigada pela tua participação!