quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Pão do Jamie



No domingo, enquanto o S. foi jogar futebol com os amigos, eu fui ao café do Tio Belmiro! Queria aproveitar para beber um café, muito descansadinha, antes de ir comprar uns ingredientes que precisava para preparar o almoço, então, lembrei-me: "Porque não ir ao café do Tio Belmiro? Assim, até posso ler um dos seus livros!" Apaixonadíssima pelo Jamie, agarro num dos seus livros, e peço um café e um pastel de nata.


Sorvi o café em pequenos goles, e fui folheando o livro com a certeza de que ficaria muito bem na minha pequena biblioteca.


Receitas que memorizei: a receita básica do pão e a receita do maravilhoso batido que serviu para aproveitar as bananas mais maduras.


Eu tinha razão, quando achava que 25 gr de fermento de padeiro era demasiado para 500 gr de farinha. Já havia diminuído o seu consumo, mas tive a certeza quando vi que para 1 kg, o Jamie sugere 30 gr de fermento.


A receita básica é, e perdoem se errar: - 1 kg de farinha; - 675 ml de água; - 30 gr de mel; - 30 gr de femento; -15 gr de sal.


Eu acrescentei 2 colheres de sopa de flocos de aveia, 2 colheres de sopa de linhaça e 2 colheres de sopa de sementes de sésamo. As 30 gr de mel, corresponderam a 2 colheres de sopa de mel, pois já não tinha mais e nem me dei ao trabalho de pesar, mas suspeito que não fuja muito à verdade.


Modo de preparação: Numa tigela coloque a farinha e o sal. Faça um buraco no meio. Na água morna, desfaça o fermento e acrescente o mel. Deite parte do líquido no buraco e vá adicionando a farinha. Repita o processo. Amasse bem a massa até ter absorvido toda a água e descole da tigela. Deixe a massa levedar tapada, por 45 minutos, num sítio protegido de correntes de ar, de preferência junto do forno. Passado esse tempo, volte a amassar para retirar todo o ar, durante aproximadamente 10 min. Forme o pão a seu gosto e dê alguns golpes fundos com uma faca. Deixe levedar mais 45 minutos e leve ao forno pré aquecido por 45 min a 190ºC, ou até o pão parecer oco quando tocado.


Costumava usar azeite, mas o mel deu um toque bem especial!



Nós gostámos, espero que também gostem!

3 comentários:

  1. ADOREI ESSE PÃO, FICOU TÃO PERFEITO.
    DELICIOSO ISSO APOSTO QUE É.
    BJS

    ResponderEliminar
  2. Rita, finalmente consegui entrar. Deve ter sido esse cheirinho a pão!!!
    Beijo da Nina

    ResponderEliminar

Obrigada pela tua participação!