sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Não aguento...

tanta austeridade. Parece que vamos passar a viver assim:


Para ajudar a minorar as despesas, compramos uma televisão LED que supostamente consome menos energia que a que tínhamos que era bem antiga (devia ter metade da minha idade). Com o desconto que conseguimos, (finalmente) compramos um frigorífico  As borrachas do nosso precisavam ser trocadas, qualquer dia, sairia um icebergue e provavelmente, viria o Titanic, a Kate e o Leonardo atrás.  (Uma vez mais: finalmente) Compramos um microondas. Tinha a mania de que este equipamento poderia contribuir para eventuais doenças cancerígenas  mas com tanta medida de austeridade o mais provável e morrer de depressão (ou de fome). Aproveitamos e ainda compramos um aspirador que promete a redução em 50% da electricidade. O que queria mesmo era um aspirador de agua, mas o meu Portugal não permite. 

Estas medidas não são mais do que migalhas. Com 60% do meu vencimento retido para pagamento de impostos (trabalho como independente, mas só de nome e de impostos, pois tenho patrão e chefia bem autoritária, para não dizer ditadora), daqui a nada das duas uma: ou volto a viver num bairro social (não tenho nada contra, pois nasci e vivi num durante 16 anos, com excelente rede de transportes e  com uma vizinhança que era quase família); ou, vou fazer parte da estatística dos jovens adultos que voltam para a casa dos pais.  

(As minhas desculpas pela falta de acentos, mas o meu teclado esta esquisito... Quando carrego na tecla dos acentos, e isto que acontece: ´´ , teclo uma vez e aparece em duplicado... As palavras que tem acento, são o resultado do corrector automático. Se alguém tiver solução para isto, deixo o meu agradecimento por antecipado).

14 comentários:

  1. Quanto ao problema dos acentos aconteceu-me o mesmo... é um vírus que tem no computador.

    ResponderEliminar
  2. Como eu te compreendo... Não posso dizer que viva do salario minimo porque não é verdade. Mas também é verdade que não tenho grandes despesas, os únicos creditos que tenho são o da casa e o de um carro que infelizmente não tivemos outro remedio que comprar um... E estou a ver que não tenho nada e cada dia que passa vou ter menos... =( Esperam nos dias negros...
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Obrigada pelos comentários!
    Anónimo, obrigada pela ajuda. Tentei sacar um anti vírus gratuito, mas o meu PC esta quase morto... La esta, mais uma despesa para ajudar a festa. Enfim...

    ResponderEliminar
  4. Obrigada pelos comentários!
    Anónimo, obrigada pela ajuda. Tentei sacar um anti vírus gratuito, mas o meu PC esta quase morto... La esta, mais uma despesa para ajudar a festa. Enfim...

    ResponderEliminar
  5. :( é mesmo muito triste ... Uma pessoa trabalha tanto e cada dia que passa trás menos € para casa... Está tudo cada vez mais caro e já não sei onde hei-de cortar mais ... :(

    Sinceramente espero por dias melhores , mas acho que não é para breve ...

    Beijinho doce ...

    ResponderEliminar
  6. Compreendo bem o que dizes e é de facto triste querermos reconstruir uma vida, ter as nossas coisas e torna-se muito complicado. Mesmo tendo emprego nunca estamos livre de um despedimento, do fim de um contrato ou até mesmo de um miserável ordenado que por vezes nem para a renda ou prestação da casa dá para pagar e se der pouco ou nada sobra para nós, enfim...é mesmo de desmotivar.

    ResponderEliminar
  7. Ola Cristina e Paula! Obrigada pelo apoio. As vezes penso que estou a dramatizar, mas nao, e mesmo a minha, nossa, realidade. Como eu costumo dizer ao marido: "Muita sopa, muita sopa!" :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  8. Infelizmente compreendo a tua situação. mas no nosso caso estamos os 2 desempregados e sobrevivemos com 1 subsidio de desemprego... espero por dias melhores...

    ResponderEliminar
  9. ...traigo
    ecos
    de
    la
    tarde
    callada
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    COMPARTIENDO ILUSION
    ANA RITA

    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...




    ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE LEYENDAS DE PASIÓN, BAILANDO CON LOBOS, THE ARTIST, TITANIC SIÉNTEME DE CRIADAS Y SEÑORAS, FLOR DE PASCUA ENEMIGOS PUBLICOS HÁLITO DESAYUNO CON DIAMANTES TIFÓN PULP FICTION, ESTALLIDO MAMMA MIA,JEAN EYRE , TOQUE DE CANELA, STAR WARS,

    José
    Ramón...

    ResponderEliminar
  10. Olá!
    Compreendo bem o teu desabafo!
    Já não se aguenta... está mau para todos mesmo!
    Beijocas

    P.S. Estou rezando para que nenhum aparelho eletrico avarie cá em casa!

    ResponderEliminar
  11. Infelizmente, isto não está nada fácil, mas há que ter esperança. Bjs

    ResponderEliminar
  12. Nem sei que diga... Ainda não quis fazer contas para não me assustar. Uma pessoa cresce com determinadas expectativas e planos para o futuro e nunca imagina que lhe vão tirar o tapete desta forma :(
    Viver um dia de cada vez, é o que é...

    ResponderEliminar
  13. E olha que já faltou mais para vivermos assim. Enfim, estamos neste país.. que eu pensava que agora não podia afundar mais.. mas afinal aqui vai ele. Bem lá para o fundo. Eu já comprei boias, vamos ver se me safo!

    ResponderEliminar
  14. É verdade sim. Eu ainda tenho esperança que as coisas não fiquem tão más, porque se ficarem eu também já não sei onde cortar mais!

    Beijinhos

    ResponderEliminar

Obrigada pela tua participação!