quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Peito de peru recheado com ricotta

Ultimamente tenho perdido mais tempo na organização das refeições. Comida que dê para congelar, preparo a mais. Por exemplo, ontem cozi feijão. Aproveitei para cozer a quantidade habitual em duplicado, coloquei em frascos e congelei.  Descongelei 400 gr de carne picada e preparei quase 3 dúzias de croquetes. Já estão no congelador para responder a algum pedido ou para quando não me apetece cozinhar. Fiz o mesmo com rissóis de peixe. De um rabo de pescada saíram também 3 dúzias de rissóis. Tinha 1 carcaça e meia de frango que tinha congelado, e que resultou de um caril de frango, que tinha muita carninha para aproveitar. Cozi na panela de pressão, aproveitando o que fosse possível. Fiz uma canja. Aproveitei para fazer caldo de galinha (deixei ferver durante uma hora, ficou excelente). E ainda sobrou para fazer 1 dúzia de rissóis de frango. Além da canja de galinha, fiz uma sopa, aproveitando restos de legumes que não podia estragar, pois estamos em tempos de crise e deitar comida fora é crime. Tinha couve flor e abóbora cozida no frigorífico, descasquei umas batatas, juntei uma cenoura, alho e cebola, e ainda a carne das asas do frango para dar mais sabor. A sopa arrefeceu e foi parar ao congelador! 
Mesmo assim, sei que posso fazer mais e melhor!



In Comer bem, viver bem, Selecções do Readers Digest, pg 274

Era para ser o prato principal de uma refeição de amigos, mas acabou por ser um jantar a dois!

Ingredientes:
- 4 colheres de chá de azeite;
- 4 dentes de alho picados;
- 300 gr de espinafres congelados cortados (usei frescos e a quantidade foi a olho);
- 2/3 de queijo ricotta meio gordo;
- 1 clara;
- 1 colher de raspa de laranja (optei por limão);
- 1/2 colher de sopa de café de pimenta;
- 1,7 kg de peito de peru;
- 1 1/2 colher de café de sal;
- 1 colher de café de alecrim seco (não usei);
- 4 colheres de sopa de amêndoas laminadas (sugestão).

Modo de preparação:
1/ Aqueça o forno a 190ºC. Numa frigideira antiaderente, aqueça 2 colheres de chá de azeite em lume brando. Junte o alho e salteie durante 1 minuto. Acrescente a amêndoa e deixe torrar um pouco. Adicione os espinafres e salteie mais 4 minutos, ou até estarem macios. Deixe arrefecer.

2/ Numa tigela pequena, misture o queijo ricotta, a clara, a raspa de laranja e a pimenta. Junte os espinafres. Coloque o peru entre duas folhas de alumínio e bata até ficar com uma espessura de 2 cm. Tempere a carne com 1/2 colher de sal, barre com a mistura do queijo e enrole pelo lado mais comprido. Ate com um cordel e coloque, com o lado enrolado para baixo, num tabuleiro de forno pequeno.

3/ Pincele com o resto do azeite e tempere com o resto do sal e o alecrim. Leve uma hora ao forno, ou até estar dourado e bem passado. Dá para 8 pessoas.

Usei menos de um quilo de carne e utilizei os restantes ingredientes a olho. Como sobrou a mistura de queijo, que não misturei aos espinafres, barrando-a no peru e cobrindo depois com os espinafres, usei o resto do queijo no puré de batata que fiz para o empadão do fim de semana, conferindo um gostinho muito especial.

Como ia usar o forno, aproveitei para assar batatas. Coloquei-as num pirex pré-aquecido com azeite. Temperei com uma mistura de pimentão e louro e outra de cebola e alho e sal, claro. Tapei com folha de alumínio durante os primeiros 40 minutos. No tempo restante assaram destapadas. Assim, o peru e as batatas ficaram prontas ao mesmo tempo, exactamente o que se pretende!


Espero que tenham gostado da receita e das sugestões!

4 comentários:

  1. Eu adorei a receita e as sugestões! Assim é que é! A organização é fundamental para que tudo corra pelo melhor.
    Tudo muito bem planeado.
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Olá :)
    Tem tão bom aspecto. Adorei a receita. Deve estar muito saboroso.
    Muitos beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Acho que fazes bem ,pois assim já tem tudo adiantado e quando não apetecer cozinhar há sempre alternativas.
    Gostei da sugestão.
    bjs

    ResponderEliminar

Obrigada pela tua participação!